Controlar as emoções é necessário


Das coisas difíceis de administrar nós temos as emoções. Tomar as rédeas do que se passa na mente e no coração é dura tarefa. Faz-se necessário um árduo aperfeiçoamento do autocontrole para não perder as estribeiras.
Acreditamos que o ponto chave seja a busca pelo equilíbrio, apenas ele faz o uso racional do bom senso, isto é, enxergar o que é de real valor e o que é banal. Mas alcançar o equilíbrio desejado leva tempo, pois só a maturidade faz com que tomemos atitudes excelentes e não nos deixa agir ridiculamente. A riqueza da experiência reside em não cometer ou provocar os mesmos erros.
O controle dos sentidos é primordial. Assim conseguiremos suplantar os olhares fulminantes, atenuar palavras ácidas, conter os pés e as mãos para que não ajam dissolutamente. A ira apenas gera contendas, o descomedimento só traz prejuízos, o descontrole emocional provoca rachaduras na alma. Superar os momentos de explosão faz parte do treinamento de gerir nossos sentimentos.

Determinação para o que se quer é essencial para manter o foco e prosseguir em frente, isto nos levará a permanecer firme nos propósitos, a fim de termos como resultado o equilíbrio, que nos trará a temperança necessária para sobrevivermos em todas as formas de sociedade. Preciso é repelir o desalento, aumentar a esperança, acreditar que se pode melhorar, avançar nas diversas fases da vida, e se colocar num nível ideal no campo das emoções.

Joaquim Queiroz

O sábio de coração será chamado prudente, e a doçura dos lábios aumentará o ensino. Provérbios 16:21 

Comentários

Postagens mais visitadas